Acontece

Alagev discute com suas comunidades o cenário corporativo

Durante reunião, a mediadora Trícia Neves, continentes asiático e europeu já começaram a reaquecer, assim como a região das Serras Gaúchas.

Associação Latino Americana de Gestão de Eventos e Viagens Corporativas (Alagev) reuniu, na última quinta (18), cerca de 200 associados na terceira reunião Global das Comunidades. O encontro aproximou ainda mais os associados em salas de break outs, onde puderam compartilhar impressões pessoais sobre esse momento.

Foram exibidos dados do mercado de turismo em geral e as dez comunidades da Alagev tiveram voz para apresentar seus trabalhos, balizados pelas necessidades do mercado. A reunião ainda teve a participação da Karina Lima, que falou sobre o tema “Ser Você Mesmo Dá Menos Trabalho”.

A associação apresentou ainda o Alagev Acolhe, roda de escuta terapêutica com Tais Mais, psicóloga e terapeuta familiar. A proposta é criar espaço de fala e escuta, formar redes de apoio e oferecer e receber suporte psicológico. Os associados interessados em participar do grupo devem fazer inscrições neste link.

Trícia Neves, moderadora da reunião, apesentou dados colhidos pelo projeto TRVL Lab, com mostra que as atividades nos continentes asiático e europeu já começaram a reaquecer. A profissionais destacou ainda o bom desempenho obtido pelas Serras Gaúchas, que retomou as atividades do setor no último dia 10 de junho. A região ficou com 53,7% de ocupação, sendo que o limite estabelecido para a retomada era de 70%.

Segundo Eduardo Murad, diretor executivo da Alagev, a união dos membros da comunidades vem gerando bons resultados e engajamento. “Nossa associação sempre se posicionou como um hub de conhecimento e networking, e desde que nos vimos obrigados a nos reinventar e nos ajustar a padrões diferentes do que estávamos acostumados, temos visto essa produção intelectual e de contribuição para o mercado ainda mais forte entre nossas comunidades”, diz.

A comunidade de incentivos anunciou uma nova pesquisa sobre o segmento, que será aplicada a partir de outubro e apresentou infográficos criados pelos integrantes com base na última pesquisa apresenta no Lacte. A comunidade de aviação, por sua vez, apresentou insights gerados no último fórum realizado pela Alagev. As representantes aéreas reforçaram os protocolos de segurança adotados pelas companhias e convidou os gestores de viagens a compartilharem as políticas de viagens atualizadas das empresas em que atuam.

A comunidade de eventos abordou a adequação das indústrias aos eventos virtuais. Embora estivesse no radar em um cenário pré-pandemia, a crise acelerou o processo e o mercado tem apresentado soluções diferenciadas para o setor, como plataformas e espaços exclusivos em hotéis para trabalhar com eventos virtuais e híbridos.

A comunidade de gestores de viagens de Minas Gerais abordou a gestão de bilhetes não-voados e como isso impacta comercialmente as empresas, dando foco na questão do relacionamento, além do cuidado com o próprio viajante. Rio Grande do Sul apresentou 13 dicas para ser a TMC dos sonhos – defenda seu fee para o gestor de viagens ou comprador.

A comunidade de gestores de viagens mostrou que o gestor deve ter o olhar atento nas questões da retomada, incluindo bem-estar do viajante, otimização de recursos, rede de fornecedores, políticas de viagens, mitigação de riscos e comunicação.

Karina Lima, da Kilai Lab, conversou ainda com os participantes sobre marca pessoal e as oportunidades que o mercado oferece. Reforçou que cada vez mais os profissionais precisam deixar de ser commodity e ter diferencial e convidou a todos a terem um olhar integral para que sejam correntes e congruentes em suas ações. A profissional ainda destacou que o cenário exige que as pessoas tenham um repertório plural e que é imprescindível compartilhar esse conhecimento.

“Seguimos acompanhando as necessidades do mercado, inovando e buscando formas de continuar cumprindo nossa missão de respaldar essa cadeia multissetorial, além de fazer da Alagev um porto seguro, uma família, para todos os associados”, finaliza Giovana Jannuzzelli, gerente-executiva da Alagev.

Fonte: brasilturis.com.br

x

[recaptcha]

x




[recaptcha]

x