Acontece

Medindo o retorno da experiência na gestão de eventos

Mais players de eventos e reuniões estão tentando alavancar business intelligencepara o gerenciamento dos mesmos. O objetivo? Medir o engajamento e articular insights sobre a eficácia de suas reuniões para alcançar as metas de suas empresas. Cada vez mais estes profissionais estão se perguntando qual é o retorno da experiência do participante.Os stakeholders querem ir além do relato estático, dos indicativos de savings e compliance. Eles querem detalhar o envolvimento de uma audiência e o que, em última análise, ele entrega à organização anfitriã.

“Eles realmente se importam se os clientes ficaram satisfeitos com o evento, se estavam engajados ou se serão capazes de convertê-los, caso seja um cliente externo, em uma venda, ou gerar fidelidade adicional”, conta o líder de Gestão de Reuniões do Acquis Consulting Group, Shimon Avish.

Além disso, do ponto de vista da inteligência de negócios, são valiosos os resultados de quem vai a estes eventos e reuniões, o que sai deles e o que acontece depois deles, em termos de relacionamento com a empresa. Os insights de dados de engajamento ajudam a informar aos gerentes de reuniões quando devem cancelar um evento que não está funcionando ou ajustá-lo para atingir uma meta corporativa, por exemplo.

Hoje em dia deve-se levar em consideração o que o público presente realmente aprendeu no evento, como aquele encontro mudou a maneira como os participantes pensam sobre a marca da empresa. E os gestores estão reconhecendo a natureza crítica das métricas que apoiarão as metas de marketing e de criação de negócios.

É neste sentido que a análise de dados pode ajudar na tomada de decisões e na percepção do engajamento e da participação do público. Ter dados para saber como direcionar o evento ajuda não somente a planejar, mas também a atingir o objetivo pretendido.

Fonte: Panrotas.com.br

x

x



x