Acontece

Recompensas ajudam a promover conformidade de política de viagens

Você é do tipo de gestor de viagens que frequentemente se preocupa com os funcionários que não estão cumprindo as políticas de viagens da empresa? Caso a espera por resultados diferentes acontece repetidamente, talvez esteja na hora de uma mudança. Se a princípio a aderência às regras não funcionou, o próximo passo poderia ser um incentivo para impulsionar a adesão.

Essencialmente, os viajantes são recompensados com presentes e outros itens de valor por estarem abaixo do orçamento dado para as viagens. “Acredito que cada vez mais as empresas implementarão este aspecto em seus programas”, diz o presidente da Acendas Travel, Brent Blake.

Se uma companhia recompensa seus funcionários pelo cumprimento da política, há muitos outros benefícios além da economia, como a satisfação do colaborador e a retenção do mesmo. No entanto, os incentivos não devem ser criados para promover a conformidade e, sim, um comportamento excepcional.

“Um método para melhorar o conceito de conformidade com as políticas é inspirar os funcionários a decidir o que é mais importante, dando uma opção. Por exemplo, eles mudariam da classe executiva para a econômica se recebessem um presente ou uma doação em seu nome para uma instituição de caridade?”, explica Blake.

Se a empresa possui características para o uso de táticas comportamentais, a educação e o engajamento também devem fazer parte da implementação. O ensino mostra ao viajante o orçamento a ser seguido, incluindo as etapas a serem tomadas caso haja mudanças no deslocamento.

“E isso poderia ser feito simplesmente criando um documento de perguntas frequentes. Já o envolvimento do colaborador também pode ser realizado por meio de displays no escritório ou em outros meios de comunicação, que reconhecem os funcionários que mais pontuaram e assim por diante. O importante é motivá-los”, finaliza.

Fonte: Beatrice Teizen – PANROTAS

x

[recaptcha]

x




[recaptcha]

x