Acontece

Temer vai reavaliar privatização de Congonhas

“Sem as receitas do aeroporto de Congonhas, a Infraero perde a sustentabilidade financeira”. É com essa constatação que o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella, apresentou análises de consultorias independentes e estudos do setor ao presidente da República, Michel Temer, e foi atendido. Na noite da última quinta-feira (19), o governo revelou que irá reavaliar a concessão de CGH.

Essa dúvida vem dois meses após o conselho do Programa de Parcerias e Investimentos (PPI) aprovar a privatização de Congonhas, em São Paulo. A análise do ministro aponta que outros aeroportos do País poderiam ser inviabilizados sem a fatia financeira que representa o equipamento paulista, o mais rentável para a Infraero.

Além de CGH, Guarulhos (SP), Galeão (RJ), Confins (MG) e Brasília (DF) também estão na lista de privatizações do PPI, que previa atingir R$ 44 bilhões em investimentos privados.

Fonte: PANROTAS

x

x



x