Acontece

Veja quais são as atuais prioridades dos viajantes corporativos

O futuro das viagens a negócios parece promissor, tendo em vista a perspectiva de que os gastos nesse tipo de viagem devem aumentar 6,1% este ano, ante o crescimento de 5,1% registrado no ano passado.

Um recente estudo da Booking.com endossa este fato ao mostrar que 40% dos entrevistados realizou uma viagem de negócios internacional no ano passado, enquanto 36% fizeram uma nacional.

As reuniões presenciais continuam sendo um elemento-chave nas estratégias de crescimento das empresas. 66% dos entrevistados afirmam que deslocar-se para reuniões de trabalho é fundamental para o êxito de seus negócios, elemento que traz consigo a necessidade de plataformas de reserva fáceis de usar, maior variedade de opções de hospedagem e oferta de produtos e serviços corporativos adequados.

Sendo assim, como os fornecedores podem aproveitar este mercado? Um dica é olhar para as demandas mais recentes, e uma delas é a necessidade de hospedagens adaptadas aos viajantes corporativos. Em outro estudo realizado pela Booking, 60% dos profissionais afirmam que escolher um meio de hospedagem adaptado às preferências de seus viajantes já não é mais uma opção, e sim uma necessidade.

Uma cama confortável (52%) e um bom wi-fi (52%) encabeçam a lista de prioridades, enquanto um café da manhã abundante vem em terceiro lugar (38%). A seleção do meio de hospedagem leva também em conta a sua localização: o fácil acesso aos locais das reuniões é importante para 47% dos entrevistados, seguido de localização no centro da cidade (29%) em casos de hospedagens de uma noite.

É interessante observar também que as preferências dos viajantes corporativos vem mudando e os hotéis tradicionais estão dando espaço para casas, apartamentos, hostels e pensões.

UM PASSO ADIANTE: EXPERIÊNCIAS
Os viajantes corporativos já não querem mais restringir sua estada apenas ao trabalho e buscam conhecer a cultura local, aprender um novo idioma, conhecer pessoas e lugares diferentes no destino que estão visitando.

O estudo citado acima também revelou que quase metade dos viajantes de negócios de todo o mundo (48%) estenderiam sua viagem para conhecer melhor o destino, o que mostra que os fornecedores podem enriquecer suas ofertas levando em conta tais fatores e fornecendo recomendações atualizadas sobre o lugar a ser visitado, sem esquecer a variedade de perfis dos viajantes.

Fonte: Karina Cedeño – PANROTAS

x

x



x