Passaporte brasileiro é aceito sem visto em 146 países

1377

Written by:

Sharing is caring!

Por Liandro Brito.

Um levantamento organizado recentemente pela consultoria Henley & Partners e pela Associação Internacional de Transporte Aéreo mostrou que o passaporte brasileiro é o segundo mais “valorizado” da América Latina. A pesquisa levou em consideração a quantidade de países que exigem a obtenção de visto para o turista portador de determinado passaporte. Por este critério, o passaporte brasileiro possui portas abertas em 146 países. O passaporte argentino fica na frente, com 147 países que dispensam vistos para argentinos entrarem. A consultoria fez o levantamento com base nos 219 destinos turísticos do mundo, incluindo países e territórios. Nesta lista regional o Brasil está em segundo lugar, mas na global vem bastante atrás como o 19º passaporte que menos precisa passar por burocracias para conseguir um visto.

Mesmo com todos esses países que não solicitam visto para a entrada de brasileiros, é possível agilizar o processo da viagem com algumas dicas ao turista, seja ele de negócios ou de turismo. “Antes de viajar, providencie seu passaporte com pelo menos um mês de antecedência. Se já o possui, verifique o prazo de validade do passaporte e dos vistos. Estar de posse de visto de entrada ou estar dispensado do visto não dá direito à entrada automática naquele país. É decisão soberana de todo país aceitar ou não a entrada de cada estrangeiro no seu território, por isso adote sempre tom respeitoso e evite cair em contradições nos contatos que porventura mantenha com as autoridades estrangeiras. Leve consigo os endereços e telefones das Embaixadas e Consulados brasileiros no seu país de destino. Em caso de dificuldade, não hesite em contatá-las”, explica a gerente de Lazer da Casablanca Turismo, Andréa Gonçalves.

Cada país utiliza diferentes critérios e exigências para a entrada e permanência de estrangeiros. É preciso certificar-se junto à Embaixada ou ao Consulado do país, com a ajuda da agência, quais são esses requisitos, dependendo do objetivo da sua viagem, para que não ocorram surpresas negativas, como a do publicitário Leonardo Redig, de 28 anos, teve o visto negado para entrar no Canadá, onde pretendia fazer intercâmbio na cidade de Vancouver. “Fiz todo o processo por meio de um despachante e tive o visto negado. Não fui em nenhuma entrevista, nada. Recebi apenas uma folha de papel dizendo que não tinha condições de me bancar financeiramente no país. Devido à negativa, fui então para a Irlanda, onde não precisa de visto”, conta. Com o passaporte em mãos, Leonardo decidiu mudar o roteiro e escolheu um país onde os brasileiros não precisam de visto para entrar.

A expedição do passaporte em território brasileiro é de responsabilidade da Polícia Federal, que em Fortaleza fica localizada à rua Dr. Laudelino Coelho, 55, no Bairro de Fátima. A gerente da Casablanca Turismo reforça ainda outros cuidados durante a viagem: “leve sempre uma cópia de seu passaporte. Durante a viagem internacional, o cuidado com o passaporte é fundamental. Antes de tudo, tire uma cópia completa de passaporte e deixe-a guardada no cofre do hotel. Seja precavido. Além disso, carregue o passaporte em lugar seguro. Existem diversas pochetes de algodão que podem ser presas na cintura, por exemplo.”

Em caso de perda do passaporte em outro país, é indicado procurar um posto policial e registrar a perda ou roubo. Feito isso, o turista deve ir ao consulado brasileiro e explicar o que aconteceu. Para receber um novo documento ainda em viagem, você precisará de um boletim de ocorrência, do CPF, da carteira de identidade e do titulo de eleitor.

O fotógrafo Fábio Pina, 42 anos, perdeu o seu passaporte nos Estados Unidos, enquanto usava para se identificar durante uma compra com cartão de crédito. “Esqueci o passaporte no balcão e fui embora da loja. Procurei a embaixada brasileira e, apesar de termos perdido uma manhã inteira da viagem para resolver o problema, consegui receber um novo passaporte dois dias depois, mas me deram um prazo de uma semana. Tive muita sorte”, disse.

Passo a passo para tirar o seu passaporte:

1 – Para iniciar o processo de emissão do seu passaporte, é preciso entrar no site da Polícia Federal e preencher o formulário eletrônico para gerar um boleto no valor de R$156 (valor para o passaporte comum).

2 – Em seguida, ainda no site, deve ser feito o agendamento para que você possa ir até um posto da Polícia Federal para cadastrar suas impressões digitais, entregar os documentos e tirar a foto. Confirme se a unidade que escolheu permite fazer o agendamento pela internet. Caso não aceite, entre em contato por telefone através do número 194 para saber como proceder.

3 – Na data marcada, leve até o posto de atendimento o protocolo da solicitação e os os originais dos documentos solicitados (vide lista abaixo).

4 – O solicitante receberá um protocolo com a data de entrega do passaporte (seis dias úteis, no máximo). O documento pode ficar pronto antes do prazo. Nesse caso, você receberá um e-mail da Polícia Federal informando que o passaporte já está disponível para retirar.

5 – É preciso retirá-lo pessoalmente. Não se esqueça de levar o protocolo ou a identidade original. Caso o documento não seja retirado num prazo de 90 dias, ele será cancelado.

 

Documentos necessários para tirar o passaporte:

1 – Documento de identidade (para menores de 12 anos, pode ser a certidão de nascimento);

2 – CPF, caso o número desse documento não conste na identidade. Se a pessoa for menor de 18 anos, é preciso levar o CPF do responsável;

3 – Título de Eleitor e comprovantes de voto ou justificativa da última eleição (nos dois turnos). Caso você não os tenha, entre no site do Tribunal Superior Eleitoral e imprima a Certidão de quitação eleitoral;

4 – Certificado de Alistamento Militar (para homens de 19 a 45 anos);

5 – Certificado de Naturalização (apenas para naturalizados brasileiros); e

6 – Se tiver passaporte anterior, é preciso levá-lo (esteja ou não válido).

Uma curiosidade: os passaportes menos valorizados são o do Afeganistão, onde em apenas 28 países dispensa o visto, depois o Iraque, com 31 países, e o Paquistão e a Somália, com 32 países cada.

Passaporte na mão e visto solicitado… BON VOYAGE! (:

Sharing is caring!

Last modified: 21 de julho de 2014

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *