08 motivos para contratar um seguro de viagens

77

Written by:

Sharing is caring!

Férias programadas, passagens compradas, roteiro feito e muita ansiedade pelas memórias que serão construídas. Neste cenário, tudo parece perfeito e controlado correto?

Ledo engano, é no auge da empolgação, que esquecemos detalhes que podem fazer nossas férias irem por água a baixo. Não é incomum a necessidade do uso de um seguro de viagens, que nos asseguram de extravio de bagagem, a doenças e acidentes.

 1. Imprevistos acontecem

Em alguns países e programas de intercâmbio a aquisição do seguro é obrigatória, mas na maioria das vezes fica a critério do turista. Alguns acidentes são mais fácies de prever, como por exemplo: se você for do tipo de turista mais aventureiro ou fã de esporte radicais, as chances de um acidente são muito maiores, e seguros que cobrem acidentes, cirurgias e odontologia, são bem-vindos.

Mas nem os turistas mais tranquilos estão imunes a uma indisposição, a descobrir uma alergia a algum tempero local e até uma simples torção no tornozelo.

2. Falta de serviços públicos para saúde

Mesmo em países desenvolvidos, como os Estados Unidos, a saúde pública não é um serviço comum. Significando que atendimentos hospitalares, seja de emergência ou urgência e mesmo sem gravidade, são cobrados e geralmente custam caro.

3. Falta de conhecimento das leis

As leis mudam de países para países, não estar ciente das que protegem o turista pode ser uma grande dor de cabeça. Afinal, em caso de roubo, furto ou perda, é sempre bom ter com quem contar.

4. Custo

Uma grande dúvida que surge em todo viajante é quanto ao valor do seguro. Cada seguradora e cada tipo de contrato oferecem valores diferentes, o ideal é que você consulte seu agente que poderá lhe orientar.

Garantimos que o valor do investimento é menor que o de usar um serviço médico.

5. Rapidez

O seguro é simples e rápido de contratar e pode ser feito até de véspera. Aconselhamos que no ato do planejamento da viagem ele seja posto como item essencial.

6. Tempo de contrato

Diferente de um plano de saúde, você escolhe por quantos dias e qual o tipo de serviço que melhor se adequa a sua eventual necessidade. O ideal é que o contrato dure pelo menos o período inteiro da viagem, podendo ser acrescidos dias a mais, para uma eventual mudança de planos.

7. Reembolso de mala

Imagine que você tenha sua mala extraviada com todos os seus pertences, basta ligar para o seu seguro e o valor previsto em seu contrato será ressarcido.

8. Custos causados por danos

Alguns danos ou acidentes podem fazer com que sua viagem seja inteira repensada, por isto, é comum que os seguros cubram valores como remarcações de passagens, acompanhamento de idosos ou menores de idade e até mesmo convalescença em hotel

 

Como diria o antigo ditado: seguro morreu de velho. Por isto, converse com seu agente e veja a melhor opção para que suas férias corram da melhor forma possível.

Sharing is caring!

Last modified: 12 de abril de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *